domingo, 11 de novembro de 2012

HÁ RESSURREIÇÃO?


                     
                               Marcos 12.18 ( leitura inicial). 
Da minha particularidade, não compreendo como uma pessoa ou um grupo de pessoas afirmarem que não há ressurreição (Marcos 12.18).
Creio que quando uma pessoa se converte realmente ao cristianismo (Cristo), que creu de fato que Jesus Cristo de Nazaré foi morto e ressuscitou dentre os mortos (I Pedro 3.19), declare que não há ressurreição.
Os saduceus afirmavam com convicção este fato.
Saduceus são da família sumo sacerdotais dos tempos de Jesus, eram os membros deste grupo.
Os saduceus negam a ressurreição a existência de anjos e rejeitam a tradição oral dos fariseus.
O nome deles se deriva, provavelmente, de Zadoque, sumo sacerdote de Davi ( II Samuel 8.17 - I Cronicas 15.11; 29.22) e escolhido oficial sobre a linha sacerdotal de Arão ( Ezequiel 40.46 ; 43.19).
Os saduceus eram homens de alto gabarito, eram homens escolhidos para ministrarem na Casa de Deus, homens escolhidos a dedo.
Ninguém que ministrasse ao Senhor poderia ter cometido algum pecado ou estivesse com alguma pendencia com alguém; pois eles são vistos como homens separados (mas como todo homem e falho, eles não criam na ressurreição, e creio, nem em Cristo, pois Cristo ressuscitou dentre os mortos, mas os planos de Deus não são os nossos).
Mas Deus é misericordioso, mas também justo, são dois de seus atributos.
Vemos a vida e ministério de Eli o sacerdote (I Samuel 1.9).
Eli tinha dois filhos, seus nomes: Hofni e Fineías; eles eram desobedientes ao seu pai e ao Senhor Deus dos Exércitos; eles faziam muitas coisas contrarias ao que seu pai os ensinava algumas delas são: os filhos de Eli tinha relação com as mulheres que ministravam a tenda da congregação ( I Samuel 2.22); no tempo de hoje, seria as diaconias de nossas igrejas; e Eli fazia o seu papel de pai e sacerdote, repreendia os seus filhos, dizia que o que eles estavam fazendo é contra os princípios de Deus e ainda estava desviando o povo de Israel a cometer os mesmos erros e pecados, e coisas piores; mas, Deus já tinha o seu parecer: iria mata-los.
Mas, tinha um jovem que tinha os seus olhos fixos em Deus, e Deus o fazia crescer em estatura e favor do Senhor e dos homens (I Samuel 2.22-26).
Tanto os saduceus como os filhos do sacerdote Eli, são exemplos para nós, para não desviarmos nem para a direita nem para a esquerda, estarmos com os olhos no Autor e Consumador da Fé (Hebreus 12.2 - 11.1).
Marcos Antonio Leite Biazoli.
Deus o Abençoe em Nome de Jesus Cristo de Nazaré!