segunda-feira, 1 de junho de 2009

SALVOS PARA UMA VIDA DE SANTIDADE.

Segui a paz com todos e a santificação sem a qual ninguém verá o Senhor. Hebreus 12:14


Ao falarmos sobre santidade, precisamos primeiramente entender que somente pode experimentar a santificação em Cristo Jesus, quem antes experimentou a salvação em Cristo Jesus. Tanto a salvação como a santificação são obras da preciosa graça de Deus em nossas vidas. Para fazermos parte da família de Deus, para sermos chamados de seus filhos, precisamos nascer de novo. Quando cremos em nossa morte e em nossa ressurreição em Cristo, ganhamos uma nova dimensão de vida. "Se alguém está em Cristo é uma nova criatura, as coisas velhas já passaram, eis que tudo se fez novo". 2. Corintios 5:17. Porque cremos nessa graça maravilhosa dada pelo Pai para cada um de nós, ela mesma continua operando em nosso interior, nos chamando para buscar uma vida de santidade.

Por que está declaração é tão contundente? Por um único motivo: Deus é Santo, Santo, Santo. O caráter e a essência de Deus são de santidade. Qual foi o propósito de Deus em nos eleger em Cristo antes da fundação do mundo? "Ele nos elegeu Nele antes da fundação do mundo para sermos santos e irrepreensíveis diante dele e em amor". Efésios 1:4. Esse foi e é o seu propósito: sermos santos e irrepreensíveis diante Dele.

Na santificação, toda a trindade está envolvida. Tudo que Deus Pai fez na bendita pessoa de seu Filho tem como finalidade a nossa santificação. "E o mesmo Deus de paz vos santifique completamente. E todo o vosso espírito, alma e corpo sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo. Fiel o que vos chama, o qual também o fará". 1 Tessalonicenses 5:23-24. Deus Filho também está envolvido nessa maravilhosa obra. "Vós maridos, amai as vossas mulheres, como Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela, para a santificar, purificando-a pela lavagem da água pela palavra." Efésios 5:25-26. Deus Espírito Santo. "... porque Deus vos escolheu desde o princípio para salvação, pela santificação do Espírito e fé na verdade". 2 Tessalonicenses 2:13b.

Dr. Martyn Lloyd-Jones disse: "Não conheço nada tão sublime quanto a compreensão dessa grande verdade de que as três benditas Pessoas da Trindade têm cooperado a fim de que um verme como eu pudesse ser resgatado e redimido, e fosse aperfeiçoado, para estar na presença de Deus no juízo."

O que significa a palavra santo? No velho testamento, segundo alguns estudiosos, ela significa "brilhar" como uma luz radiante, resplandecente, enquanto outros afirmam que significa "cortar, separar". Ambos os significados podem ser colocados juntos, pois os dois sentidos entram na questão da santificação. Realmente, há um corte, há uma separação, e, sim, a verdadeira santificação também envolve um resplendor. Talvez o mesmo resplendor que foi visto no rosto de Moisés, depois de estar na presença de Deus no Monte Santo. Há na santidade este tipo de resplendor, algo da glória Shekinah. Já no Novo Testamento, todas as diversas palavras trazem a idéia de separação, ser colocado à parte para Deus e seu serviço.

Atualmente, temos visto no povo chamado cristão uma negligência generalizada à santidade, um comodismo do inferno, uma total conformação ao sistema maligno desse mundo. Não existe mais nas pessoas a expressão "Maranata". Em contrapartida, a palavra nos exorta em Romanos 12:2, "Não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja boa, agradável e perfeita vontade de Deus. Essa palavra é para o povo cristão, o ímpio não precisa se conformar com este mundo, pois já está arraigado a ele, mas nós fomos desarraigados dele, como diz: "O qual se deu a si mesmo por nossos pecados, para nos desarraigar do presente século mau, segundo a vontade de Deus nosso Pai". Galátas 1:4. Porém, podemos sim ser conformados com este mundo se não levarmos Deus e a sua Palavra a sério.

Será que Deus nos desarraigou deste mundo para vivermos conformados a ele? De modo nenhum, como dizia F. F. Bruschi, "a santificação é a conformação progressiva a imagem de Cristo aqui e agora". A maior evidência de salvação é transformação de vida, um coração quebrantado que tem nojo e uma incomodação total ao pecado. Onde não há busca de santidade, não há evidência de salvação.

A primeira batalha que todo cristão enfrenta é na área do pensamento, "assim como pensa, assim ele é". Provérbios 23:7a. Você é o que você pensa, o pensamento gera o comportamento. Charles Swindoll disse que "as ações que vão saindo de dentro de nós, são exatamente os pensamentos que foram entrando, ou seja, nós nos tornamos aquilo que pensamos". Se você quer uma vida santa, precisa preservar a sua mente. O que tem ocupado a sua mente? "A lâmpada do corpo são os olhos, se os teus olhos forem bons, todo teu corpo terá luz. Se porém os teus olhos forem maus, todo teu corpo estará em trevas. Portanto se a luz que há em ti são trevas, quão grande são essas trevas". Mateus 6:22-23.

Tudo que absorvemos para dentro do coração através da janela dos sentidos determinará a qualidade da nossa mente. Podemos somente seguir dois caminhos: termos uma mente santa conformada com a vontade, com os propósitos e os desígnios de Deus, "pensando nas coisas que são lá do alto", (Colossenses 3:1) ou uma mente conformada com este mundo, que envergonha nosso testemunho como cristão.

O inimigo de nossas almas transformou a mente humana no ponto central de seu ataque. As ações mais insidiosas dirigem-se à mente, ao atingir nosso modo de pensar, ele é capaz de manter nossa vida em nível medíocre nos levando para longe da presença santa do Senhor. "No demais irmãos meus, fortalecei-vos no Senhor e na força do seu poder. Revesti-vos de toda armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo. Pois não temos que lutar contra a carne e o sangue, e sim, contra os principados, contra as potestades, contra os poderes deste mundo tenebroso, contra as forças espirituais da maldade nas regiões celestes". Efésios 6:10-12.

Como podemos vencer essa batalha que começa na mente? Trata-se de um processo difícil, longo e exigente, mas os resultados são doces e profundos. Charles Swindoll propõe três ações para quem quer realmente derrotar a mediocridade espiritual e viver uma vida de santidade na dependência do Senhor: memorizando, personalizando e analisando a Palavra de Deus. "A palavra de Cristo habite em vós abundantemente, em toda sabedoria, ensinando-vos e admoestando-vos uns aos outros." Colossenses 3:16ª.

Memorizar é o melhor processo de higienização mental, substituir pensamentos derrotistas e negativistas para a apropriação das mui grandes promessas do Senhor. "Escondi a tua palavra no meu coração, para eu não pecar contra ti." Salmos 119:11.

Personalisar é tomar para si a palavra, usar os pronomes eu, me, meu, para mim, sempre que estiver diante de declarações significativas.

Analisar é assumir responsabilidade, sair do estado de vítima, questionar a mente e o porquê dos pensamentos e das ações, analisando as circunstâncias, para que possamos quebrar hábitos e vivermos uma vida num plano mais elevado. "Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude, se há algum louvor, seja isso que ocupe o vosso pensamento". Filipenses 4:8.

O que muda a sua história é o que você vai decidir. O alvo da vida cristã é atingir a estatura da plenitude de Cristo. Maturidade é ser parecido com Jesus. Santidade é reagir a tudo que Deus realizou por e em você por meio de Cristo. Saiba, irmão, que a soberania de Deus não anula a nossa responsabilidade. Nossa tragédia, muitas vezes, é que descansamos tanto na soberania de Deus, que nos tornamos omissos em nossa responsabilidade. Precisamos encarar o fato de que temos uma responsabilidade pessoal por nossa caminhada rumo à santidade. Podemos abandonar os hábitos pecaminosos que nos assolam se realmente desejarmos fazê-lo, ou seja, se aceitarmos nossa responsabilidade pessoal por eles.

Santos não são aqueles que nunca falham, mas os que nunca desistem. "Na vossa perseverança ganhareis as vossas almas." Lucas 21:19.

Segundo disse o autor Leonard Ravenhill, "o maior milagre que Deus pode realizar hoje é tirar um homem impuro de um mundo impuro, torná-lo santo e depois colocá-lo de volta no mundo impuro, conservando-o santo".

Que o Senhor possa abrir os olhos do nosso entendimento, para que possamos sair da mediocridade e vivermos uma vida de santidade e que o Senhor Jesus Cristo seja glorificado em nossas vidas. Amém.
Irmão Mauricio Torres.
1 Igreja Batista de Londrina - Pr.
A Deus toda a Honra e Glória.