segunda-feira, 24 de agosto de 2009

VIVO PELA FÉ OU PELO SENTIMENTO?

Enviado Por: Claudio Morandi
Eis o soberbo! Sua alma não é reta nele; mas o justo viverá pela sua fé.
Habacuque 2:4.

Aqui desejamos falar algo sobre como Deus nos liberta da vida de sentimento e nos leva ao estado de viver pela fé, para que possamos entender plenamente a genuína experiência espiritual. A vida de um cristão começa no dia da sua salvação, e é quando o indivíduo é convencido pelo Espírito Santo de seu pecado e passa por uma crise e nesta crise ele clama pela misericórdia de Deus. Então o próprio Espírito Santo leva essa pessoa a crer que Cristo ao ser crucificado, o incluiu em seu corpo fazendo-o participante da mesma morte de cruz. Quando o pecador crê nesta verdade, ele tem a sua salvação assegurada mediante a sua fé. Fé é crer naquilo que está escrito na Palavra de Deus, ou seja, a salvação é inteiramente dada a nós pela graça, mas envolve a nossa responsabilidade em crermos naquilo que está escrito. Efésios 2:8-9. Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isto não vem de vós; é dom de Deus; não de obras, para que ninguém se glorie.

Alguém aqui nesta manhã esteve triste na época de sua salvação? Não, estava muito alegre. No dia em que uma pessoa encontra um tesouro, deve ficar feliz. Quando recebemos o Senhor Jesus como nosso Salvador e Senhor, temos plena certeza que temos a vida eterna e que não entraremos em julgamento, mas passamos da morte para a vida e isso nos alegra grandemente. João 5:24. Em verdade, em verdade vos digo: quem ouve a minha palavra e crê naquele que me enviou tem a vida eterna, não entra em juízo, mas passou da morte para a vida.

No entanto, após certo período de tempo, sua alegria já não é tão forte como antes, ou pode até não existir mais. Muitas pessoas, após serem salvas, consideram a leitura da Bíblia seu maior prazer. Embora haja muitas passagens que não entendam, ainda consideram-nas tão saborosas que a leitura de mais do que dez capítulos por dia não é considerado um excesso. Também tem desfrute na oração; embora não saibam quantas vezes Deus ouviu suas orações, gostam de orar. Contudo, pouco tempo depois, por alguma razão desconhecida, não mais se sentem felizes, pelo contrário, tem certa tristeza. Nesta conjuntura, Satanás vem e fala: "Você está enganado; você não foi salvo". Agora precisamos decidir com qual voz iremos ficar, com a do diabo que diz que você não foi salvo, ou vai ficar com a fé na Palavra de Deus que diz que foi salvo: Certamente, a palavra da cruz é loucura para os que se perdem, mas para nós, que somos salvos, poder de Deus. 1 Coríntios 1:18.

Existe algo muito importante que temos de aprender e jamais podemos nos esquecer: O poder da ressurreição mais se manifesta quando estamos rodeados por morte. Em outras palavras, significa que quanto mais nós experimentamos a nossa morte com Cristo, mais será manifestada em nós a Sua vida de ressurreição. Quando cremos que morremos com Cristo, não precisamos de sentimento, mas somente da fé. É por isso que uma fez crucificados, crucificados para sempre. É nesta experiência de levar o nosso morrer diário que Sua vida será manifestada em nós. Vamos ler

2 Coríntios 4:10. Levando sempre no corpo o morrer de Jesus, para que também a sua vida se manifeste em nosso corpo.

Deus deseja levar-nos para dentro da realidade de viver pela fé. Muitas pessoas são muito inclinadas a viver pela emoção de maneira que quando o sentimento de alegria desaparece parece que nada lhes resta. Quando Deus lhe tirar de seu sentimento, você descobrirá que nem o sentimento de alegria nem o sentimento de tristeza podem influenciá-lo. Se vivermos pela fé, não seremos afetados por sentimento. Não somos de modo algum insensíveis, pois temos o sentimento de alegria bem como o de tristeza, mas estes sentimentos exteriores não nos influenciam interiormente. Quando formos capazes de controlar nossos sentimentos externos, experimentaremos alegria no Senhor. Esta alegria é profunda e inabalável. Queridos irmãos e irmãs, vocês precisam saber que viver por sentimento é algo em que não se pode confiar. Confia no SENHOR de todo o teu coração e não te estribes no teu próprio entendimento. Provérbios 3:5.

Se os nossos corações estiverem voltados para Deus, então apenas vivamos pela fé e devemos ignorar os nossos sentimentos. Muitas vezes podemos não sentir entusiasmados para ler a Escritura, a qual nos parece insípida. Tudo isto não importa. O que realmente conta é se nós temos ou não a intenção de lermos. Após orar quatro ou cinco frases muitos podem sentir que se tornou desinteressante. Isto não é importante. O importante é se vocês querem orar ou não. Uma coisa é sentir se vocês conseguem ou não orar bem e outra coisa é vocês quererem orar ou não. Amados, Deus quer que aprendamos a viver pela fé. O justo não vive pela emoção. Emoção nunca levará você a coisa alguma. Um cristão pode estar sob o treinamento de Deus por dez ou vinte vezes, até deixar de utilizar seu poder emocional. Deus faz sua sequidão aumentar e a duração dela prolongar-se com o propósito de trazê-lo a esta condição: "viver pela fé". Viver pela fé significa olhar para a Palavra e andar segundo os seus propósitos. Visto que andamos por fé e não pelo que vemos. 2 Coríntios 5:7.

A atividade exterior deve ser realizada correta e diligentemente, mas a menos que a fé esteja em operação, Deus não é honrado e a alma não é edificada. A fé abre o coração de Deus, e é mediante a fé que recebemos a graça de Deus e não uma mera aceitação do que é revelado em Sua Palavra, mas um princípio sobrenatural de graça que existe no Deus das Escrituras. Isso o homem natural, não importa o quanto religioso ou ortodoxo ele seja, não tem; e nenhum de seus esforços, nem atos da sua vontade, pode adquirir. É um dom soberano de Deus. A fé é um dom de Deus e a fé deve operar em todas as atividades dos cristãos, se Deus há de ser glorificado e a pessoa edificada. Primeiro na leitura da Palavra de Deus. Estes, porém, foram registrados para que creiais. João 20:31a. Segundo, no ouvir da pregação dos servos de Cristo. Quero apenas saber isto de vós: recebestes o Espírito pelas obras da lei ou pela pregação da fé? Gálatas 3:2. Terceiro, na oração: Peça-a porém com fé, em nada duvidando. Tiago 1:6b.

Quarto, na nossa vida diária: Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne vivo-a na fé do Filho de Deus, o qual me amou e se entregou a si mesmo por mim. Gálatas 2:20. Quinto, em nossa partida desse mundo: Todos morreram na fé. Hebreus 11:13a.

A. W. Pink disse que: "O que o fôlego é para o corpo, a fé é para a alma; pois alguém que sem fé busca realizar ações espirituais, é como se colocasse uma mola em um boneco de madeira, fazendo-o mover-se mecanicamente". Alguns irmãos estão sob a ilusão de que grande alegria e entusiasmo excessivo é poder. Eles não percebem que entusiasmo emocional é, ao contrário, um obstáculo para a vida de fé. Portanto, irmãos, Deus tem de despojá-los daquilo que adquiriram através do sentimento para que nada permaneça, exceto Deus e Sua Palavra. Agora Deus faz você crer com fé simples e comum, sem qualquer emoção ou orgulho, para falar e crer com moderação. É por isso que a Palavra de Deus é enfática em dizer que "o justo viverá pela fé". Somente aqueles que vivem pela fé são capazes de obter vitória sobre este mundo perverso e mal. 1 João 5:4 Porque todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé.

A fé é o princípio do viver e o sentimento não é digno de confiança. Deus tem de desarmá-lo do sentimento para capacitá-lo a ter a oportunidade de crer nEle. A menos que abandone os sentimentos, é impossível você crer em Deus. Ninguém consegue agradar a Deus pelo sentimento, mas sim pela fé. Fé é crer naquilo que Deus diz em Sua Palavra, caso contrário, fica impossível agradá-lo. De fato, sem fé é impossível agradar a Deus, porquanto é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe e que se torna galardoador dos que o buscam. Hebreus 11:6.

Vocês se lembram de Paulo e Silas quando estavam no cárcere de Filipos cantando hinos a Deus, cheios de gozo? Por quê? Porque Deus tinha falado a eles através daquela visão do varão macedônio que fossem a Macedônia. Eles tinham a Palavra de Deus; não importava, pois, que as circunstâncias na Macedônia fossem desfavoráveis. Logo que entraram nessa província, foram encarcerados. As coisas pareciam ir mal, mas não iam mal. A prisão deles foi a ocasião que Deus aproveitou para mostrar a sua glória, pois veio o terremoto e a salvação do carcereiro com toda a sua casa. Os hinos que Paulo e Silas cantavam no meio da dor dos açoites foram a sala de espera das maravilhas de Deus. Eles cantavam por fé no invisível, porque o visível eram as feridas e a dor produzidas pelos açoites. Mas eles andavam por fé. A exortação final de Paulo é para examinar-nos se estamos na fé. 2 Coríntios 13:5a. Examinai-vos a vós mesmos se realmente estais na fé. Porque pode acontecer que estejamos andando por vista, prestando atenção nas circunstâncias e não em Deus. Se andarmos por vista, não vamos cantar, mas sim chorar, lamentar, murmurar. Tudo o que vemos nos convida a chorar; mas se andarmos por fé, podemos cantar, porque logo, rapidamente, virá a salvação de Deus. Portanto, Deus se compraz naquele que crê em Sua Palavra e não retrocede. Porque, ainda dentro de pouco tempo, aquele que vem virá e não tardará; todavia, o meu justo viverá pela fé; e: Se retroceder, nele não se compraz a minha alma. Nós, porém, não somos dos que retrocedem para a perdição; somos, entretanto, da fé, para a conservação da alma. Hebreus 10:37-39. Amém.
Enviado Por: Claudio Morandi http://www.elocristao.com.br/ecveart.aspx?idArtigo=1265
A DEUS,toda a Honra e Glória.

Nenhum comentário: